Está decidido. A prefeitura de São Paulo resolveu pegar carona de vez com o que há de mais moderno no mundo no segmento de iluminação pública e vai adotar nos próximos anos os equipamentos de LED para repaginar a ‘cara’ da capital.

No total, o plano prevê a troca de aproximadamente 580.000 pontos de luz na cidade e um investimento estimado de 1,5 bilhão de reais, custeado por meio de parceria público-privada (PPP).

Além da economia e da durabilidade, outra vantagem do uso do LED será a facilidade de manutenção. Hoje, quando uma lâmpada queima na cidade, o reparo só é feito se algum morador reclama.

Para demonstrar como o LED vem revolucionando os espaços públicos das cidades, o Blog da ConstruLiga listou algumas vantagens proporcionadas pelo uso desse tipo de material. Confira!

 

Economia

image1

O LED é considerado uma solução bastante viável para a iluminação dos espaços públicos, visto que o material até 80% no consumo energético comparativamente aos demais tipos de lâmpadas.

Um exemplo disso é alcançado pela comparação entre um projeto feito com 200 lâmpadas de vapor de mercúrio substituídas por luminárias de LED. Apenas esta alteração é capaz de gerar uma economia de, aproximadamente, 30 megawatts anuais. Isto representa um grande benefício para a cidade, cujo dinheiro pode ser usado para suprir outras demandas da população.

 

Baixa manutenção

image2

Além da economia proporcionada, este tipo de lâmpada exige menos manutenção, um diferencial quando se fala em milhões de luminárias que, para serem substituídas, exigem interrupção ou bloqueio de vias, tão danosas nos grandes centros urbanos e à mobilidade urbana.

Outra vantagem é a redução gradativa do preço destes produtos que, com a evolução tecnológica e o maior demanda, tornam-se ainda mais viáveis em termos de custo/benefício.

 

Sem radiação

image3

Se a iluminação de LED já não fosse boa o suficiente para economizar, saiba que ela ainda tem mais uma vantagem: a radiação dos metais pesados, utilizados nas iluminações tradicionais, não está presente.

Com isso, a economia de energia e toda a preocupação com o meio ambiente se tornam reais ao apresentarem uma forma renovável de eletricidade. Não só a iluminação pública se torna mais segura e atraente, como as cidades agradecem por poupar o meio ambiente.

 

Anos luz de vida

image4

Em relação à vida útil, um modelo de LED pode durar até 15 anos, o que corresponde a cerca de 60.000 horas de funcionamento, com economia de energia de até 60% em comparação as lâmpadas de vapor de sódio e com o dobro da vida média.

Ainda nesse sentido, a tecnologia aliada ao produto LED permite dimerização em horas de baixa movimentação, que através de acessórios específicos permite a utilização racional da energia, colaborando com a sustentabilidade ambiental.

 

Beleza e charme

image5

As lâmpadas LED coloridas dispensam a utilização de filtros, que causam perda de intensidade e também provocam alteração na cor, principalmente nas luminárias externas, em função da ação da radiação UV do sol. Outra vantagem dos itens é a emissão de um comprimento de onda monocromático, com a transmissão de luz na cor certa, tornando a iluminação mais viva e saturada.

 

Segurança

image6

Os LEDs na iluminação pública geram mais conforto visual, contribuindo para que os indivíduos possam ter um desempenho visual melhor do que acontece no ambiente. Ou seja, por meio do realce proporcionado pelos LEDs, as ruas e avenidas tornam-se mais claras para a visualização humana, fazendo com que espaços antes escuros fiquem mais iluminados, aumentando, portanto a sensacao de segurança de pedestres.

Outro ponto de destaque é que com esse tipo de tecnologia podemos obter altos índices de reprodução de cor (IRC), ou seja, mesmo de noite a iluminação é muito mais completa. Em ruas e avenidas, principalmente em horas de pouco movimento, esse fator pode ser decisivo para que se evitem assaltos, atropelamentos ou outros acidentes nas vias públicas.

 

Gostou? Compartilhe esse conteúdo e acesse o Blog da ConstruLiga para ficar por dentro dos melhores artigos sobre a Construção Civil.

Gostou desse conteúdo?

3

0